Mahjong Ways

DECEPCIONANTE

Vereadores de BH votam contra o "Dia Marielle Franco de enfrentamento à violência política"

Dos 40 parlamentares, 26 votaram contra a proposta, entre eles os vereadores dos partidos de Bolsonaro e Zema

Belo Horizonte (MG) | Mahjong Ways MG |
Parlamentares que apoiam Bolsonaro e Zema foram contrários ao texto - Foto: Karoline Barreto/CMBH

Dois dias após o assassinato de Marcelo de Arruda em Foz do Iguaçu (PR), a Câmara Municipal de Belo Horizonte foi contrária ao Projeto de Lei (PL) 78/2021, que instituia o Dia Marielle Franco de Enfrentamento à Violência Política.

Continua após publicidade

De autoria de Bella Gonçalves e Iza Lourença, ambas do Psol, o projeto tinha o objetivo de ampliar as discussões sobre democracia na capital mineira. No texto, que foi ao plenário na terça-feira (12), as propositoras enfatizam que a violência política é um mal estrutural a ser combatido pela sociedade.

"O problema da violência política no Brasil é histórico e tem raízes estruturais refletidas em nossa sociedade. Os direitos políticos são direitos fundamentais e promover seu livre exercício é dever do Estado e de todos os demais atores participantes do sistema político brasileiro", afirma o documento. 

:: Leia mais notícias do Mahjong Ways MG. Clique aqui ::

Dos 40 parlamentares, 26 votaram contra a proposta, entre eles os vereadores dos partidos de Bolsonaro (PL) e Romeu Zema (Novo). Os demais 14 vereadores votaram a favor. Nas redes sociais, Iza Lourença afirmou que "enquanto todo o país se preocupa com a democracia, o bolsonarismo demonstra, mais uma vez, de que lado está."

Confira como votaram os vereadores:

Contrários ao projeto:

Álvaro Damião (União)
Bim da Ambulância (Avante)
Braulio Lara (Novo)
Ciro Pereira (PTB)
Claudio do Mundo Novo (PSD)
Cleiton Xavier (PMN)
Fernanda Pereira (Novo)
Fernando Luiz (PSD)
Flávia Borja  (PP)
Gilson Guimarães (Rede)
Helinho da Farmácia (PSD)
Henrique Braga (PSDB)
Irlan Melo (Patriota)
Jorge Santos (Republicanos)
José Ferreira (PP)
Juninho Los Hermanos (Avante)
Marcela Trópia (Novo)
Marcos Crispim (PP)
Marilda Portela (Cidadania)
Nikolas Ferreira (PL)
Professor Claudiney (Avante)
Professora Marli (PP)
Reinaldo Gomes (MDB)
Wanderley Porto (Patriota)
Wesley (PP)
Wilsinho da Tabu (PP)

Favoráveis ao projeto:

Bella Gonçalves (Psol)
Bruno Miranda (PDT)
Dr. Célio Frois (PSC)
Duda Salabert (PDT)
Gabriel (Sem partido)
Iza Lourença (Psol)
Leo (União)
Macaé Evaristo (PT)
Miltinho CGE (PDT)
Pedro Patrus (PT)
Professor Juliano Lopes (AGIR)
Ramon Bibiano (PSD)
Rubão (PP)
Walter Tosta (PL)

Conheça o projeto na íntegra.

Fonte:BdF Minas Gerais

Edição: Elis Almeida


Mahjong Ways Mapa do site

1234